domingo, 18 de janeiro de 2009

Os atendimentos (parte I)

Mas... como funciona mesmo?

Os trabalhos na Casa começam às quartas-feiras pela manhã e continuam em sessões independentes (isto é, você pode chegar pela primeira vez em qualquer uma delas) até sexta-feira de tarde. O visitante que vem pela primeira vez deve chegar preferencialmente antes das 8h para as sessões da manhã e antes das 14h para as sessões da tarde.

Na livraria (bookstore), que é uma lojinha que fica no fim do pátio do estacionamento, por onde todos entram, o visitante deve pegar uma ficha, gratuitamente, em que está escrito "primeira vez". Para os que já vieram e estão voltando, ou para que os já passaram alguma vez pela entidade, existe a ficha "segunda vez", e ainda a ficha "revisão" para aqueles que vêm após terem passado por "cirurgia" espiritual (após 7 dias).

Chegando, você pode curtir o ambiente agradável da Casa, a energia dos jardins, observar o vale, sentar para meditar, faça como quiser. Apenas atente que a Casa é um local sagrado, de oração, e que deve-se guardar silêncio em respeito aos demais.

Às 8h todos se reúnem no salão principal, de recepção, onde se iniciam os trabalhos, com orações de abertura e explicações ofertadas por um Filho da Casa sobre as normas a serem obedecidas para o bom funcionamento das atividades. Então, um orador proferirá algumas palavras sobre princípios morais, cura, ou haverá depoimentos pessoais.

Este, é um momento MUITO importante para se resguardar silêncio, introspecção e reflexão. A atitude mental (e corporal) é determinante para a boa receptividade do tratamento. No salão principal, todos já estão sendo preparados, equilibrados, harmonizados. Evite cruzar as pernas ou os braços, evite se manifestar abruptamente ou ficar se balançando. É compreensível que as pessoas guardem algum nervosismo, na ânsia por aquilo que buscam, mas tente manter seu corpo relaxado, sua mente aquietada, seu coração calmo e confiante. As vibrações sutis que lhe serão ofertadas só serão bem recebidas em condições de equilíbrio, ou então serão repelidas e não surtirão o efeito desejado.

Em um primeiro momento da sessão acontecem as cirurgias espirituais. O médium se mantém concentrado em sua sala particular enquanto os Irmãos do Plano Maior realizam os tratamentos, em uma sala especialmente reservada para isso. Portanto, os primeiros a ingressarem são aqueles que já foram designados para cirurgia pela entidade, em dias anteriores.

Logo em seguida, são chamadas as outras filas. A ordem de chamada pode variar e é determinada pela entidade. Quando chamados, aqueles com as fichas "primeira vez", "segunda vez" ou "revisão" farão uma fila, mantendo a atitude de silêncio e tranquilidade, e serão atendidos pelo médium, através do qual se manifestará um Ser de Luz, entidade trabalhadora na grande obra de Deus. Não é preciso pressa nem agitação, pois TODOS são atendidos.

Na sequência, são chamados aqueles que passaram pela entidade e que foi pedido que voltassem às 8hs, no caso da manhã, ou às 14hs, no caso da tarde. Atente que as filas se chamam "fila das 8h" e "fila das 14h", porém, elas podem ser chamadas a qualquer horário, em virtude da ordem estabelecida pela entidade.
Os irmãos que são orientados a retornar muitas vezes precisam ser observados por uma entidade diferente, dependendo do caso.

A fila entra por uma das portas de acesso à corrente mediúnica. A primeira sala é uma sala de limpeza, onde são transmutadas energias desqualificadas. Nesta sala existe água fluidificada (energizada) para contribuir com a harmonização.

O visitante ingressa então em um salão retangular, comprido, e no fim dele encontra-se o Sr. João, vestindo branco, descalço, sentado em uma cadeira e emprestando seu corpo físico como instrumento de trabalho para uma entidade de Luz. Muitos Seres se manifestam através dele, entre eles Dr. Augusto, José Valdevino, José Penteado, Rei Salomão e uma gama de outros irmãos conhecidos e anônimos que trabalham para o Bem da Humanidade.

Quando o visitante se aproxima, estando ele em paz e equilíbrio, é capaz de sentir a incrível energia que emana daquele Ser. As pernas ficam bambas, o coração quase salta boca à fora, todos os questionamentos são emudecidos, porque não é preciso dizer nada. Olhos profundos, largos, luminosos penetram o seu Ser e então, te conhecem. Melhor que você mesmo, porque são olhos que não pertencem ao mundo tri-dimensional da matéria, não são iludidos pelas aparências pois já venceram e suspenderam os véus de Maya, e assim, dessa forma, te conhecem. Enxergam além do tempo e do espaço, por isso vêem tudo o que foi e tudo o que vai ser. Porque vêem O QUE É.

Se mesmo assim você quiser perguntar, pedir, faça-o. Esses Seres são tão amorosos e sábios que compreendem nossas limitações, confusões, incertezas, pouca fé. Eles não se ofendem. Pergunte. Muitas vezes as respostas não sairão da boca do médium na forma de som audível aos seus ouvidos, mas elas virão. Ninguém sai daquela Casa sem respostas.

A entidade lhe dirá o que você precisa. Você pode concordar ou não. Pode aceitar ou não. Acredite, eles sabem o que você precisa.

21 comentários:

  1. Acabo de voltar de Abadiânia e considero a experiência que tive como a mais importante e abençoada de minha vida. Agradeço-lhe por disponibilizar esse blog. Muita Paz e Amor para você, os seus, e todos nós! Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  2. JÁ OUVI FALAR DO SENHOR JOÃO DE DEUS, E ACREDITO QUE ELE FAZ UM TRABALHO ABENÇOADO, PENA QUE MUITAS PESSOAS NÃO COMPREENDEM. Vanderlei Ribeiro

    ResponderExcluir
  3. Olá... resolvi comentar pois a descrição que você faz da experiência que se tem na Casa é perfeita. Sou "filha" da casa a muitos anos e recomento a todos...
    A Casa é um ambiente de muita paz, de muita energia, de muito amor!

    ResponderExcluir
  4. Fui em Abadiânia em 02/09,foi uma experiência única em minha vida.
    Pretendo voltar ainda esse ano.
    A casa é um abiente realmente de muita paz!

    ResponderExcluir
  5. Deus, obrigado por permitir que espiritos iluminados nos ajudem na casa de João de Deus.

    ResponderExcluir
  6. Que Deus abençoe cada vez mais o Sr. João e todos os bons espiritos neste lugar fantástico. abraços.

    ResponderExcluir
  7. pODE SER FEITO TRATAMENTO A DISTÂNCIA?

    ResponderExcluir
  8. Saudações!

    À sua pergunta: sim, muitos tratamentos são realizados à distância com resultados incríveis.

    Ligue no telefone da Secretaria da Casa e se informe de como fazê-lo.

    Muito boa sorte.

    Thais Guisande.

    ResponderExcluir
  9. AS curas espirituais são destinadas apenas para problemas físicos ou também para questões emocionais, vícios, dependências, etc?

    Rita

    ResponderExcluir
  10. Olá Rita!
    Os tratamentos espirituais realizados na Casa de Dom Inácio são destinados ao reequilíbro do Espírito.
    Sempre que um desequilíbrio espiritual gera um impacto na vida corporal, seja ele de que natureza for - "físico, emocional, de vícios, dependencias, etc.", em suas próprias palavras, é necessário e útil o tratamento espiritual.
    Muitas pessoas se curam de vícios na Casa de Dom Inácio sim.
    Saiba que os resultados dos tratamentos variam de pessoa para pessoa, em dependencia do grau de merecimento e de reforma íntima e comprometimento a que se dediquem.
    Muito boa sorte em sua caminhada.
    Muita Luz!

    ResponderExcluir
  11. Deisy Tereza Tolotti23 de agosto de 2010 18:00

    Estive dia 21/09 em tres coroas para cura de meu filho Fabio ele tem diabetes e problema com drogas,como posso ou se ainda devo fazer tratamento a distancia com esta entitade para ele, sendo que a entitade não fez cirurgia nem disse para eu voltar, mas gostaría de ajuda para ele parar de vez com o vício, ou já recebi só nesta consulta a ajuda que ele precisa para ficar livre do vício, pergunto mas sinceramnete por tudo que estou sentindo e lendo aquí, creio que só esta consulta já vai reestruturar meu filho que assim seja, tenho muita fé, mas meu coração sofrido de mãe pergunta, pois pode ser este amor imenso que sinto por ele que me faça pensar que ele finalmente vai se recuperar e ficar bem. Me perdoe a insistencia o desespero por querer ajuda-lo.Me repondam por favor.Grata para sempre.

    ResponderExcluir
  12. Saudações Deisy!

    Compreendo bem sua aflição. No entanto, existem situações na vida em que não existe "receita de bolo". Temos que seguir nosso coração e agir de acordo com o que sentimos.
    Siga seu coração, e se sentir que deve, retorne em Abadiânia.
    Este blog é pessoal, não faço parte da equipe da Casa, portanto, se ainda tiver dúvidas, ligue pra lá e converse com algum dos Filhos (Tião, Chico, Eli).
    Muito boa sorte em sua caminhada.
    Deus te dê Paz.

    ResponderExcluir
  13. parabens pela dedicacao do blog , vc faz um trabalho realmente de deus !!!!!!

    ResponderExcluir
  14. Meu filho foi diagnosticado com esquizofrenia hebefrênica. Percebemos seu surto aos 15 anos. Teve de parar os estudos.Começou tratamento psiquiátrico e aos 17 anos foi diagnosticado.Quero levá-lo em julho desse ano em Abadiâna.A sociedade tem muito preconceito em relação às doenças mentais.Por quê?

    ResponderExcluir
  15. Thais, muito obrigada por ajudar-nos no caminho até a abençoada Casa de Dom Inácio. Muita paz e luz para você e todos nós!

    ResponderExcluir
  16. Estivve em Abadiânia semana passada nos dias 14,15 e 16 de março de 2012 e foi maravilhoso!
    Fiquei muito emocionada e eh como você disse; fiquei quase sem fala diante dele e quase caí no choro. Foi maravilhoso e quero voltar lá.
    Seu blog é lindo e muito bem feito. Grande abraço

    ResponderExcluir
  17. Boa noite! Peço-te algumas informações. Pretendo ir à Abadiânia. Sou de Porto Alegre e pelo que li em eu blog é mais fácil ir de avião (brasília). Fico na dúvida. Chego por Brasília. Tomo um taxi até Abadiância. Fico numa Pousada e se chegar até às 14hrs já posso ir direto para a Casa de Dom Inácio? E conseguiria ficha para este mesmo dia? E como seria ou poderia ser o retorno? Grata pela tua atenção. Um abraço, Valquiria

    ResponderExcluir
  18. Olá Valquíria!
    Chegando em Abadiânia a qualquer horário, mesmo após às 14h, vá direto à Casa de Dom Inácio. Dependendo de como estiverem as filas, e a ordem em que forem chamadas, que varia, você conseguirá ser atendida no mesmo dia.
    Passe antes da Livraria, no final do pátio do Estacionamento, e peque uma fichinha de 1a vez. Não há limite de pessoas. Se você conseguir chegar antes dessa fila passar pela Entidade você certamente entrará.
    Se você chegar mais tarde, converse com um dos Filhos da Casa (colaboradores) que muitas vezes a Entidade autoriza a entrada, mesmo fora da fila.
    Sobre o seu retorno, é muito difícil dizer. Pode ser que ele te libere no 1o atendimento, pode ser que peça que tome algum remédio e volte depois de x dias, pode ser que te indique para a cirurgia... não há como planejar perfeitamente sua estada pois imprevistos podem acontecer. Vá de coração aberto. Tenho certeza que será proveitoso.
    Sucesso!

    ResponderExcluir
  19. Olá! Estive recentemente em Abadiânia e tenho algumas informações atualizadas em relação aos atendimentos!
    Agora não se chama mais "fila de cirurgia", e sim, "fila de intervenção espiritual", que ainda continua sendo a operação, porém, as entidades resolveram trocar o nome.
    Além das filas de sempre (1ª vez, 2ª vez, revisão e intervenção espiritual), as entidades convocam uma fila especial para pessoas que querem ir como voluntárias para a intervenção espiritual (cirurgia), mas orientam que só entrem na fila as pessoas que realmente sentirem que é o momento e as pessoas que desejam muito passar pela intervenção.
    No último dia de atendimento (sexta-feira - 14h), além das filas de sempre, há uma fila especial chamada "fila do bye bye", para as pessoas que desejam apenas se despedir e ter um retorno abençoado.
    Agora as entidades orientam as pessoas para que não entrem na fila mais de uma vez no dia (por exemplo, se entrou numa fila da manhã, não ir ao atendimento no período da tarde).
    Outra orientação é que as pessoas que chegaram atrasadas (após as 8h30, no período da manhã, e após as 14h30, no período da tarde) não entrem na fila comum. Há uma fila especial, no final de todos os atendimentos, para estas pessoas. Isso acontece porque, para passar pela entidade, é preciso um preparatório antes. Enquanto elas esperam, as energias vão sendo concentradas. Se você tentar "enganar" a entidade e entrar na fila errada, a entidade mandará você retornar, pois, lembre-se, eles sabem de tudo!
    Lembrando, também, que TODAS as pessoas são atendidas, portanto, não há necessidade de pressa ou ansiedade.

    ResponderExcluir
  20. eliane gomes de sousa minteiro20 de julho de 2017 05:12

    bom dia! Estive em Abadiania 09/05/2017, fiz uma intervenção para minha mãe, e desde que fui ela teve uma melhora considerável, todos percebem isso a olhos vistos, porém não sei quando tenho que voltar, pois já está acabando o medicamento, aguardo resposta!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Infelizmente não consigo responder pra você com precisão, já que não sou trabalhadora da Casa. Diga sua intuição e volte assim que puder. Sucesso!

      Excluir

Aos amigos do coração, esse blog é pessoal, não representa ou fala pela Casa de Dom Inácio, é apenas um meio de divulgação de experiências e informações úteis, que podem levar outros irmãos em necessidade às Mãos abençoadas dos médicos espirituais. Envie sua contribuição para que assim a página seja enriquecida. Obrigada e muita Paz!